Time: 10:35
Sexta, 29 Agosto 2014 21:37

Um oficial de Justiça - lotado na Central de Mandados das Varas Cíveis e Criminais de Niterói - foi sequestrado por traficantes do Morro Souza Soares e da Favela da Seiscentos, em Santa Rosa, Zona Sul de Niterói, na tarde da última terça-feira.


A vítima foi arrastada para dentro da comunidade, onde chegou a ser agredida por vários homens armados. A violência se intensificou após os bandidos encontrarem sua carteira funcional. O oficial de Justiça só teria sido liberado pelo chefe do tráfico, após interferência de um morador.

Em nota, o Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) confirmou o episódio e informou que o funcionário pretendia entregar um mandado da Vara Cível, na Rua Mário Viana, em frente ao supermercado Império da Banha, quando foi surpreendido pelo bando armado.

O caso, no entanto, não foi registrado na 77ªDP (Icaraí). A vítima informou que relatará o fato ao juiz em certidão.

Através de sua assessoria de imprensa, o TJ-RJ declarou que, para o exercício de seu trabalho, o oficial de Justiça deve requisitar o auxílio de força policial para entrar em áreas de maior periculosidade. Quando não tiver esse auxílio, deve comunicar ao juízo o não cumprimento do mandado. Entretanto, o fato ocorreu em uma área movimentada e muito provavelmente ele entendeu que não havia risco devido ao local e horário da diligência.


O órgão destacou que os oficiais não estão obrigados a cumprir diligências em áreas de risco, seja em razão do tráfico ou de milícia.


O São Gonçalo

Niterói: Homens armados realizaram arrastão em porta de escola

Niterói: Polícia prende um e impõe prejuízo de R$ 100 mil a traficantes

Niterói: Ladrões fazem arrastão na porta da universidade

Niterói: Ladrões assaltam três pessoas em apenas 12 segundos

Niterói: Peças roubadas do Cine Icaraí ameaçam restauração

Dados colhidos a partir de 17/10/2011